Volkswagen amplia centro de design no Brasil.

Publicado: 10/10/2011 em Uncategorized

A Volkswagen remodelou e ampliou o seu centro de design brasileiro, como parte dos investimentos programados de R$ 8,7 bilhões até 2016 que a companhia vem fazendo desde 2010 em aumento de capacidade produtiva e de desenvolvimento de produtos no País. Instalada dentro da velha unidade Anchieta, em São Bernardo do Campo (SP), o Volkswagen Design Center ocupa agora área total de 2.360 m2, abrigando o processo completo de criação de veículos, incluindo desde os primeiros esboços, modelagem técnica em tamanho real, trabalho de definição de cores e materiais e centro de realidade virtual 3D (em funcionamento desde 2008).

“A ampliação das nossas instalações aqui faz parte do objetivo global do Grupo Volkswagen, que pretende se tornar o maior fabricante de veículos do mundo até 2018”, disse Thomas Schmall, presidente da Volkswagen do Brasil, durante a apresentação do centro de design a jornalistas, na sexta-feira, 7. O executivo destacou que a estratégia é de globalização tecnológica das diversas subsidiárias do grupo no mundo.


“Este centro não é novo, mas a continuação de um trabalho que começou na Volkswagen do Brasil em 1966, ainda nos escritórios do bairro do Ipiranga, em São Paulo, quando foi instalado aqui o primeiro estúdio de design da companhia fora da Alemanha. Lá nasceram os primeiros projetos nacionais da marca, como a Brasília”, lembrou Luiz Alberto Veiga, gerente executivo de design da empresa (na foto, com o microfone). Ele recordou que o departamento veio para a planta da Via Anchieta em 1984, mas só em 2008 passou a integrar o grupo de desenvolvimento global da marca. O centro mundial em Wolfsburg, na Alemanha, hoje coordena três estúdios estrangeiros: além do Brasil, há um na China e outro na Califórnia, Estados Unidos.


“A importância maior do estúdio brasileiro é passar as influências da região para os carros globais e, por outro lado, também receber influências dos outros centros e aprender com eles, difundindo assim de maneira global a filosofia do design Volkswagen”, explica Veiga. Ele destacou que a ampliação do centro de design da unidade Anchieta está em linha com o aumento da importância do Brasil para a Volkswagen no cenário mundial.


Veiga lembrou que a influência do design brasileiro já extrapolou as fronteiras do grupo há alguns anos – ele mesmo trabalhou por alguns anos no centro mundial da empresa, onde ajudou a criar boa parte da atual identidade visual da marca. E depois dele muitos designers que iniciaram carreira na subsidiária do Brasil já partiram para voos mais altos na companhia. Por exemplo, Raul Pires saiu de São Bernardo para a matriz alemã e de lá foi alçado à chefia de design da inglesa Bentley (uma das marcas do grupo) e atualmente é diretor da Italdesign, estúdio do aclamado Giorgetto Giugiaro que foi comprado em 2010 pelo Grupo Volkswagen. Também saíram da Anchieta os irmãos Pavones e Arnaldo Cruzzeiro, responsáveis pela aparência dos novos Jetta, Tiguan e do recém-lançado Up!.


Para buscar os melhores talentos nessa área, em 1998 a Volkswagen criou no Brasil o concurso Talento Design, que todos os anos seleciona os melhores trabalhos apresentados e traz para estagiar na empresa os estudantes mais promissores. “É uma forma inovadora de detectar talentos e transformá-los em designers automobilísticos de nível internacional”, avalia Veiga.


Fonte: Automotive Business
10/10/2011
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s